31 de janeiro de 2009

Arre!!!!!!!

Gosminhas, cá estou eu de novo emergindo do vale dos lençois.

Pois é, desde 4ª f. que estou com uma carraspana tão grande que me levou à cama, o que não é normal é mim. Comecei com uma tosse terrivel que não me deixava dormir e depois passou para dores no corpo acompanhada de febre. e só baixou mesmo quando decidi despir-me e dormir nua, aí a coisa foi ao lugar. Hoje já retomei as minhas lides mas ainda com pouca energia. Também perdi o apetite o que me transtorna, logo eu que gosto tanto de comer, bem pelo menos já abati 2 kilitos, há que ver o lado positivo da questão.

A semana passada foi em cheio. Na 2ª f. tive consulta de reconstrução em Sta. Maria. Nem vos passa pela cabeça, visto de fora parecia um filme de Woody Allen, só para terem ideia estive 2 horas lá dentro. Entre telefonemas e pessoas que entravam e saíam falei 30' com a medica. "Desfilei" para 3 medicos, um dos quais com maquina fotografica que me pedia para ir mudando de posição enquanto batia as chapas. Bem, no minimo valeu a simpatia do chefe de equipa que foi um amor.

Este teatro deveu-se porque aqui a Je é diferente, sim já vão saber porquê. A minha frente já sofreu algumas recauchutagens, não por vontade estética mas por motivos de saude. No ano de 2002 após o nascimento da Carol, fui internada de urgência para retirar a vesicula por laparoscopia, por isso fiquei toda esburacada. Em outubro do mesmo ano fiz uma timectomia e abriram-me o externo todo como se abre um frango depois de lhe sacar a pele. Portanto tenho uma cicatriz enorme sub mamária a toda a largura. Para além de me faltarem peças, o facto de ter tido tantas incisões e algumas sobre os musculos podem comprometer este tipo de reconstrução, no entanto um dos médicos achou que era canja. A consulta terminou com uma simples frase mas muito elucidativa do país em que vivemos - "Vai fazer alguns exames, mas sem pressas porque aqui as listas de espera são entre 4 a 5 anos. Bom dia."

Na 4ª f. fiz questão de cumprir escrupulosamente o horário que ditava na carta da Segurança Social para avaliação na junta médica, 8:58. Mantem-se a anedota. A sala estava cheia e empurravam-nos lá para dentro como se gado se tratasse. E como se isso não bastasse a porra do ar condicionado estava no maximo e viradinho para mim. Depois de 1 horinha bem passada, finalmente chamaram-me. Estive 2' lá dentro mas o suficiente para a pseudo Dra. me dizer que tinha alta a partir daquele dia. "Vai trabalhar e quando tiver a reconstrução marcada, mete baixa novamente. Está com bom aspecto. Felicidades". A questão que me deixou danada é que a partir daquele dia fiquei sem subsidio da seg. social. Este país é feito de loucos, como é que podem exigir a alguém que está de baixa há 21 meses para se apresentar no serviço no dia seguinte. No minimo 15 dias para que eu pudesse organizar a minha vida. Na empresa onde trabalho e que eu considero bem organizada exigem aviso previo para o meu regresso. Já decidi, vou recorrer depois logo se vê. Até lá vivo do ar.

Entre a insensibilidade e desprendimento de alguns medicos e a inconsciência mórbida destes seres que têm o poder de decidir sobre a vida das pessoas, o que safou a semana foi mesmo os exames que fiz e que correrem bem.

27 de janeiro de 2009

A frase da semana

Versão alentejana do lema de Obama:

"YES, WEEKEND"

23 de janeiro de 2009

Soutien vs cancro da mama


Hoje na TVI, uma senologista veio desmistificar a relação que dizem existir entre o uso do soutien e cancro da mama.

Anda a circular um mail na net sobre um estudo que foi feito, concluindo que as mulheres que usam soutien têm mais probabilidades de desenvolver cancro da mama do que aquelas que não usam.

Esta médica veio explicar que isto não tem qualquer fundamento cientifico. E adiantou que as mulheres devem usar o tipo de soutien de acordo com o seu formato de mama e nunca deve estar apertado. Não se deve dormir de soutien, com excepção daqueles dias do mês em que a mulher tem o peito mais dorido, causado pela ovulação e por esse motivo o uso deste acessório pode neste caso, permitir um maior conforto à mulher durante a noite. O uso de aros fica à consideração de cada um.

Encontram diferenças?

Qualquer semelhança é pura coincidência!

Ditados informáticos do séc. XXI


"Quando a esmola é demais, até santo desconfia".

Você já imaginou como seria este ditado nos dias atuais. Sim, até os ditados tem agora uma nova roupagem, veja.

A pressa é inimiga da conexão.
Amigos, amigos, senhas à parte.
Antes só que em chats aborrecidos.
A arquivo dado não se olha o formato.
Diga-me que chat freqüentas e te direi quem és.
Para bom provedor uma senha basta.
Não adianta chorar sobre arquivo deletado.
Em briga de namorados virtuais não se mete o mouse.
Em terra off-line, quem tem discada é rei.
Hacker que ladra, não morde.
Mais vale um arquivo no HD do que dois baixando.
Mouse sujo se limpa em casa.
Melhor prevenir do que formatar.
Quando a esmola é demais, tem vírus anexado.
Quando um não quer, dois não teclam.
Quem ama um 486, Core duo lhe parece.
Quem clica seus males multiplica.
Quem com vírus infecta, com vírus será infectado.
Quem envia o que quer, recebe o que não quer.
Quem não tem banda larga, caça com discada.
Quem nunca errou, que aperte a primeira tecla.
Quem semeia e-mails, colhe spams.
Quem tem dedo vai a Roma.com .
Um é pouco, dois é bom, três é chat.
Vão-se os arquivos, ficam os back-ups.

21 de janeiro de 2009

Sem PC ficamos desasados

Minhas amigas, tal como a nossa Loulou, também eu fiquei sem computador 2 semanas. O meu portatil ficou todo viroso à conta das minhas experiências mal sucedidas. Depois, foi para a empresa e o meu colega deu-me a feliz noticia que não se tinha aproveitado nada, i.e., como nunca faço backup's, todos os ficheiros foram à vida, mas fiquei mesmo fula foi com as minhas fotos do coração, perdi-as todas. As fotos dos nossos encontros, dos nossos almoços, da minha Carol, enfim podem calcular como é. Fiquei porca da vida.

Mas ok, já cá tenho o meu Toshiba de volta, desta vez vem limpinho, vamos ver por quanto tempo.

18 de janeiro de 2009

I have a dream

Barack Obama chegou hoje ao início da tarde ao Lincoln Memorial, em Washington para assistir a um concerto em homenagem à sua tomada de posse, que será assistido por centenas de milhar de pessoas.

Com casaco preto comprido e sorridente, Obama foi acompanhado pela mulher, Michelle Obama, com um casaco beje e pelas duas filhas do casal. O Presidente eleito tomou o lugar reservado para assistir ao espectáculo, à esquerda do monumento, protegido por vidros blindados, perto do local onde, em 1963 Martin Luther King proferiu o seu famoso discurso “I have a dream”, sobre a união racial.

O concerto junta algumas das maiores estrelas do firmamento musical norte-americano, entre elas Bruce Springsteen, que apoiou Obama durante a campanha, mas também Bon Jovi. Coube a Herbie Hancock, Sheryl Crow e ao fundador dos Black Eyed Peas Will.I.Am, formar o trio de elite que entoou em coro um dos temas mais emblemáticos do reportório de Bob Marley, “One love”.

Obama toma posse na terça-feira, dia 20, como o 44º Presidente dos Estados Unidos da América.

Tal como tu, também nós temos um sonho, ajuda-nos a ser mais justos e a aceitar as diferenças uns dos outros, sejam elas raciais, religiosas ou sociais.

Acreditar em ti é uma atitude de esperança. Esperança de um mundo melhor e menos tenso. Esperança de viver num mundo mais racional.

Contamos contigo.
Bem haja Obama

15 de janeiro de 2009

Ajudar quem mais precisa

É para isso que estamos cá! Para nos ajudarmos uns aos outros e tentar fazer deste Mundo um local bem melhor.

Leiam pf este pedido de quem precisa de vós. Se pensarmos que o nosso contributo pode salvar uma vida, isso faz toda a diferença!

Oi pessoal,
De facto a vidinha prega-nos cada partida. Estou há um mês nos HUCs com uma leucemia. Tudo começou com uma xata duma dor de cabeça que não me largava. Já não ía há 12 anos ao médico (odeio médicos...), fiz umas simples análises ao sangue e tumba já não saí do hospital.
Já fiz um primeiro tratamento de quimo durante 10 dias, mas correu mal; não fiz remissão de qualquer especie. As minhas células imaturas, como eles gostam de lhe chamar, tornaram a aparecer. Por isso foi um bluff. Estou agora a fazer um novo tratamento, da 1ªvez, foi continuo (sempre a pingar) durante 10 dias e basicamente 2 substâncias. Agora faço mais uma substância e é feito ao meio-dia, durante cerca de 2 horas e depois às 17:00 durante 4 horas.
Tento sempre que posso acompanhar as coisas do trabalho para ajudar a passar o tempo, por vezes tenho um bocado de febre de maneira que até suporto o Jorge Gabriel e a Sónia Araujo...para não falar na Júlia Pinheiro....
Uma vez conseguida a remissão (o que parece não estar a ser fácil), vou ter que fazer transplante de medula óssea, caso contrário a probabilidade da doença voltar é grande. Como tenho 4 irmãos talvez algum seja compatível, penso que há 25% de hipotese, teoricamente. Por isso, façam meninos; filho único está tramado.
Como o Nabais disse para ser dador basta ir a um dos centros de histocompatibilidade (em Coimbra é dentro dos HUCs) e fazer uma simples análise de sangue. Ficam depois inscritos no banco mundial de dadores.
Se alguma vez forem depois chamados a fazer a doação, actualmente um dos procedimentos (segundo me explicaram os médicos), é estar cerca de 4 horas ligados a uma máquina que "filtra" do vosso sangue células estaminais. Talvez ao fim vos ofereçam o jantar...Os custos são todos suportados pelas instituições de saúde, por isso ir dar medula por exemplo a Honululu até pode ser interessante.
Agora, um pouco mais a sério, de facto existe um forte hipotese de nenhum dos meus irmãos não serem compatíveis e por isso posso precisar da vossa ajuda.
Beijinhos e obrigada
Isabel

12 de janeiro de 2009

Alterações ao Código do Trabalho

Alterações ao Código de Trabalho

Recebi agora este e-mail. Provavelmente, milhares de pessoas também o receberam, mas vou postá-lo na mesma.

1. INDUMENTÁRIA:
Informamos que o funcionário deverá trabalhar vestido de acordo com o seu Salário.
Se o virmos calçado com uns ténis Adidas de 100 EUR ou com uma bolsa Gucci de 150 EUR, presumiremos que está muito bem de finanças e, portanto, não precisa de aumento.
Se ele se vestir de forma pobre, será um sinal de que precisa aprender a controlar melhor o seu dinheiro para
que possa comprar roupas melhores e portanto, não precisa de aumento. E se ele se vestir no meio-termo, estará perfeito e, portanto, não precisa de aumento.

2.AUSÊNCIA DEVIDO A DOENÇA:

Não vamos mais aceitar uma declaração do médico como prova de doença.
Se o funcionário tem condições para ir até ao consultório médico também tem para vir trabalhar.

3. CIRURGIA:

As cirurgias são proibidas.
Enquanto o funcionário trabalhar nesta empresa, precisará de todos os seus órgãos, portanto, não deve pensar em tirar nada.
Nós contratámo-lo inteiro. Remover algo constitui quebra de contrato.

4. AUSÊNCIAS DEVIDO A MOTIVOS PESSOAIS:

Cada funcionário receberá 104 dias para assuntos pessoais, em cada ano. Chamam-se Sábados e Domingos.

5. FÉRIAS:

Todos os funcionários têm direito a gozar ainda mais 12 dias de férias nos seguintes dias de cada ano:
1 de Janeiro,
Dia de Páscoa
25 de Abril,
1 de Maio,
10 de Junho,
15 de Agosto,
5 de Outubro,
1 de Novembro,
1 de Dezembro.
8 de Dezembro.
25 de Dezembro.

6. AUSÊNCIA DEVIDO AO FALECIMENTO DE ENTE QUERIDO:

Esta não é uma justificação para perder um dia de trabalho.

Não há nada que se possa fazer pelos amigos, parentes ou colegas de trabalho falecidos. Todo o esforço deverá ser empenhado para que os não-funcionários cuidem dos detalhes.
Nos casos raros, onde o envolvimento do funcionário é necessário, o enterro deverá ser marcado para o final da tarde. Teremos prazer em permitir que o funcionário trabalhe durante o horário do almoço e, daí sair uma hora mais cedo, desde que o seu trabalho esteja em dia.

7. AUSÊNCIA DEVIDO À SUA PRÓPRIA MORTE:

Isto será aceite como desculpa.
Entretanto, exigimos pelo menos 15 dias de aviso prévio, visto que cabe ao funcionário treinar o seu substituto.

8. O USO DO WC:

Os funcionários estão a passar tempo demais na casa de banho.

No futuro, seguiremos o sistema de ordem alfabética. Por exemplo,todos os funcionários cujos nomes começam com a letra 'A' irão entre as 9:00 e 9:20, aqueles com a letra 'B' entre 9:20 e 9:40, etc. Se não puder ir na hora designada, será preciso esperar a sua vez, no dia seguinte.
Em caso de emergência, os funcionários poderão trocar o seu horário com um colega. Ambos os chefes dos funcionários deverão aprovar essa troca, por escrito.

Adicionalmente, agora há um limite estritamente máximo de 3 minutos na sanita. Acabando esses 3 minutos, um alarme tocará, o rolo de papel higiénico será recolhido, a porta da sanita abrir-se-á e uma foto será tirada. Se for repetente, a foto será afixada no quadro de avisos e Intranet do Serviço com o título infractor Crónico.

9. A HORA DO ALMOÇO:

Os magros têm 30 minutos para o almoço, porque precisam comer mais para parecerem saudáveis.
As pessoas de tamanho normal têm 15 minutos para comer uma refeição balanceada que sustente o seu corpo mediano.
Os gordos têm 5 minutos, porque é tudo que precisam para tomar uma salada e um moderador de apetite.

Muito obrigado pela sua fidelidade à nossa empresa.
Estamos aqui para proporcionar uma experiência laboral positiva. Portanto, todas as dúvidas, comentários, preocupações, reclamações, frustrações, irritações, desagravos, insinuações, alegações, acusações, observações, consternações e quaisquer outras... ões' deverão ser dirigidas para outro lugar.

Tenham uma boa semana.


Eng SOCRATES

(Primeiro Ministro)

9 de janeiro de 2009

Adeus Aidinha


Ontem, logo pela manhã quando soube a noticia, não fui capaz de comentar nada. Foi um choque. Mais uma estrelinha subiu ao céu, a nossa covinhas do Norte.

Aidinha, nunca te conheci pessoalmente, apenas trocámos algumas palavras ao telefone naquele almoço na Trindade, em que todas as melguinhas quiseram ouvir a tua voz, lembras-te? Mas sei que és doce, meiga e uma mulher de muita coragem. Lutaste com todas as tuas forças, sempre acreditando na vitória. E para nós venceste, acredita! Porque mostraste que nunca se desiste perante a adversidade, por muita dura que ela seja e que vale sempre a pena lutar até ao fim. Venceste e permanecerás para sempre nos nossos corações.

Até sempre Aidinha! Descansa em paz!

Ao Álvaro, João e restante familia, um abraço e muita força. A dor só o tempo atenuará.