31 de dezembro de 2007

Brindemos a 2008! Tchim...Tchim

Quero que 2007 leve com ele todas as coisas más que me aconteceram e que o Novo Ano seja o inicio de uma nova e boa etapa da minha vida.

Desejo a todas nós um Excelente Ano 2008, repleto de Saude, Paz, Amor e Harmonia.

Obrigado a todas vocês por serem quem são. Obrigado pela vossa amizade e apoio.

P'ró ano cá nos encontraremos!

Beijo do tamanho do Mundo!

2007 foi assim...

Quero esquecer o ano de 2007!

Como era habitual, todos os anos em Fevereiro faço a mamografia no Dr. Fernando Lage. Este ano não foi excepção.

A mamografia era suspeita mas não conclusiva. Seria necessário uma biópsia. Fui reencaminhada para o Hospital Amadora Sintra para a consulta da mama com a Dra. Helena Gaspar. Após a biópsia, foi-me diagnosticado um carcinoma da mama. Fiquei apavorada, tentei conter as lágrimas, mas não consegui, em segundos vi a minha vida passar-me à frente. O cancro estava "in situ" e por isso o assunto ficaria resolvido com uma quandrantomia e depois radioterapia. Perguntei-lhe se teria hipoteses de sobreviver porque tinha uma filha de 5 anos e ela respondeu-me: todas.

Depois seguiu-se a cirurgia. Na vespera da intervenção, a Dra. Margarida Coiteiro veu ao meu quarto e disse-me que já tinha o resultado da ressonância magnética à mama e era necessário tirar a mama direita pois a extensão do tumor era maior do que se pensava. Afinal tratava-se de um carcinoma invasivo da mama. Foi um choque tremendo. Fiquei gelada e sem palavras, só pensava em sobreviver a isto tudo.

A cirurgia correu bem e eu estava animada e bem disposta. Foi a 12 de Abril 2007.

Em Maio foi a primeira consulta com o oncologista, Dr. Bruno da Costa. Seguiu-se o 2º choque: 8 ciclos de quimioterapia. Este palavrão sempre me assustou imenso, pois lembrava-me dos horrores que a minha mãe tinha sofrido.

Iniciei a imunoterapia com o Herceptin, primeiro semanalmente e os 4 ciclos de taxanos. No 1º dia tomei 2 Xanax para aguentar a ansiedade. O 1º tratamento provocou-me uma reacção alérgica e fiquei com o corpo coberto de borbulhas que me provocavam dores. No dia seguinte fui parar às urgências. Tive que fazer cortisona intravenosa. Depois alteraram-me o quimico e fiz os restantes 3 de Paclitaxel. Este provocava-me prurido nos pés e mãos que quase me levaram à loucura. Depois seguiram-se mais 4 ciclos de AC (Doxorrubicina+Ciclofosfamida). Vieram os vómitos, má disposição generalizada e... vontade de fugir. Terminei o tormento a 19 de Outubro 2007, 3 dias depois de completar os meus 40 anos.

Passei a fazer o Herceptin de 3 em 3 semanas e a 12 de Novembro iniciei a radioterapia. Tinha 33 sessões pela frente. Correram bem e a 27 de Dezembro terminei mais esta etapa.

Tinha tantos projectos para este ano...


23 de dezembro de 2007

Tenham um Santo Natal

FELIZ NATAL E UM EXCELENTE 2008.

SAUDE, PAZ E ALEGRIA É O QUE MAIS DESEJO PARA AS MINHAS AMIGAS DO PEITO!

UM BEIJO DO TAMANHO DO MUNDO!

mommy&carol

O que é o Natal

Se tens amigos, procura-os!
O NATAL é ENCONTRO!

Se tens inimigos, reconcilia-te!
O NATAL é PAZ!

Se tens pecado, arrepende-te!
O NATAL é PERDÃO!

Se tens soberba, sepulta-a!
O NATAL é HUMILDADE!

Se tens trevas, acende o teu farol,
O NATAL é LUZ!

Se tens tristeza, reaviva a tua alegria!
O NATAL é ESPERANÇA!

Se tens errado, reflecte!
O NATAL é VERDADE!

Se tens ódio, esquece-o!
O NATAL é AMOR!
O verdadeiro significado do Natal é a vinda da nossa Libertação.


FELIZ NATAL!

21 de dezembro de 2007

Para ti Anixinha!

Há mais uma estrela no céu, só que desta vez tem um brilho diferente. É o sorriso tão especial que caracterizava esta grande Mulher!

Descansa em paz Anixinha!

11 de dezembro de 2007

oláááááááááááááá!!!!!!!!!!!!!!

Miudas,

Desculpem por não postar, mas tenho andado numa maratona, i.e., de manhã vou levar a minha princesa ao colégio, depois venho tomo o pequeno, arrumo umas cenas e ponho-me a caminho do Hospital CUF Descobertas. Tenho a radio agendada todos os dias para as 12h30. Vai comigo uma amiga que tambem faz radio e por coincidência já postou aqui nos nossos blogs ainda antes de eu a conhecer. Por essa razão tambem ela já vos conhece.

Depois do tratamento e como somos comilonas e não alinhamos em dietas, vamos até ao Vasco da Gama "petiscar" como habitualmente dizemos. Para ajudar na digestão, optamos por fazer um circuito comercial e ver umas montrinhas. Quando calha, faz-se umas avarias e compra-se umas prendinhas. Quando me apercebo da hora, é já tarde e tenho que ir buscar a filhota. Depois é o óbvio, banhos, jantar, etc, etc. À noite já não me apetece escrever, mas apesar disso há sempre tempo para ver as vossas noticias.

Quanto às dores nas costas, resolvi não pensar muito. Fui a um osteopata e não imaginam como fiquei nos dias seguintes... bem pior! Só após 2 semanas é que senti algum alivio, o que me faz pensar que o efeito em mim foi retardado.

Da radio, penso que as coisas têm estado razoavelmente bem. Hoje fiz o 22º tratamento. Como tenho a pele muito clara a medica aconselhou-me o Betnovate para evitar a inflamação e de facto é uma excelente ajuda, para além do Biafine.

Hoje adoptei um new look. Decidi largar a "parduca" e os lenços. Como está frio e tenho alguns gorros engraçados, optei por seguir esta tendência. O meu cabelinho está a nascer com toda a sua pujança. Até os pêlos mais indesejáveis já deram a sua cara. Ontem já arranjei as sobrancelhas. Agora já começo a sentir-me eu novamente. Cada dia é uma vitória! E há que festejá-la o melhor possivel, sem duvida!

Ah... estou a ler um livro intitulado "Quando as coisas más acontecem às pessoas boas" de Harold Kushner. Deus é posto em causa inumeras vezes, mas de uma forma muito racional. Interessante!

Fiquem bem!

20 de novembro de 2007

À minha querida Mãe que viverá eternamente no meu coração...

Poema à Mãe

No mais fundo de ti,
eu sei que traí, mãe.
Tudo porque já não sou
o menino adormecido
no fundo dos teus olhos.

Tudo porque tu ignoras
que há leitos onde o frio não se demora
e noites rumorosas de águas matinais.
Por isso, às vezes, as palavras que te digo
são duras, mãe,
e o nosso amor é infeliz.

Tudo porque perdi as rosas brancas
que apertava junto ao coração
no retrato da moldura.

Se soubesses como ainda amo as rosas,
talvez não enchesses as horas de pesadelos.

Mas tu esqueceste muita coisa;
esqueceste que as minhas pernas cresceram,
que todo o meu corpo cresceu,
e até o meu coração
ficou enorme, mãe!

Olha - queres ouvir-me? -
às vezes ainda sou o menino
que adormeceu nos teus olhos;
ainda aperto contra o coração
rosas tão brancas
como as que tens na moldura;
ainda oiço a tua voz:

Era uma vez uma princesa
no meio de um laranjal...

Mas - tu sabes - a noite é enorme,
e todo o meu corpo cresceu.

Eu saí da moldura,
dei às aves os meus olhos a beber.

Não me esqueci de nada, mãe.
Guardo a tua voz dentro de mim.

E deixo-te as rosas.
Boa noite. Eu vou com as aves.

Eugénio de Andrade

17 de novembro de 2007

"Lipstick" Movie

Alguém viu o filme Lipstick na Fox Life? Eu já tive oportunidade de o ver 2 vezes e digo-vos, vale mesmo a pena. Deixa-nos bem dispostas e confiantes.

O filme conta a história real de uma jovem decidida e enfrentar o cancro da mama com bom humor e coragem, mostrando como seu baton vermelho se torna um símbolo de sua atitude positiva. É a sua pintura de guerra, como ela diz.

Geralyn é uma jornalista recém formada e casada que aos 27 anos, logo após conseguir o emprego de seus sonhos, descobre que tem cancro.

Após a mastectomia, no lugar do mamilo, opta por fazer uma tatuagem de um coração com asas. O coração recorda-lhe a sua coragem e de todas as mulheres que lutam contra o cancro. As asas lembram todos os anjos que apareceram no seu caminho durante este periodo tão dificil.

"Lipstick" é uma comédia que pretende emocionar e afirmar o real valor da vida.

"Eu sou o céu, nada pode deter-me..." Mantra de Geralyn

A não perder!

A mãe adora-te muito! Carolina, 5 anos

16 de novembro de 2007

Noticias da semana

Cá estou eu para fazer o balanço da semana.

Como previsto, iniciei a Radioterapia na 2ªf. Logo na 1ª sessão fiquei constipada, pois estive cerca de meia hora nua e deitada, numa sala gelada enquanto as técnicas faziam o seu trabalho, i.e. radiografias e marcações.

Por volta do 3º tratamento comecei a sentir a pele mais quente, mas acho que é normal, apesar das carradas de Biafine que coloco de 2 em 2 horas.

Ontem comecei com dores na zona abdominal do lado direito que irradiam para as costas. Acho que nada têm a ver com a Radio, visto que já sinto a dor abdominal há algum tempo. No entanto, ontem foram mais persistentes. Óbvio, entrei em paranóia. Deitei-me com as galinhas ainda não eram 9 h. Para ajudar à festa, tinha uma dor de garganta que não suportava. Entre Ben-u-ron's, pastilhas p'ras dores garganta e lenços de papel, só adormeci às 5 h da manhã.
Hoje acordei completamente afónica. Ninguém me ouve, apesar de eu ter que ouvir muita gente(...) Para quem gosta de dar ao "badalo" isto não é fácil. Fico estourada.

Ao pequeno almoço, a minha princesinha resolveu chatear a mãe e não quis comer. Não me apeteceu gritar, até porque não conseguia e foi mesmo sem comer para o colégio. Claro, mandei um iogurte para a manhã.

Ah... só já faltam 28 tratamentos.

Bom fim de semana e aproveitem o sol que teima em ficar!

9 de novembro de 2007

Radioterapia

Ontem recebi uma chamada do Hospital Cuf Descobertas. Vou iniciar a Radioterapia na próxima 2ªf. no horario das 12h30. São 33 sessões e sendo assim devem-se arrastar até finais de Dezembro. Vai comigo uma nova amiga que fiz no Hospital, também ela com cancro da mama.

Estou com algum receio porque tenho a pele muito clara e sensivel. Mas já me deram alguns conselhos a não esquecer durante este periodo, principalmente o uso e abuso de algumas pomadas.

Mais uma etapa que tem de ser vivida e tal como as outras, vai ser superada.

6 de novembro de 2007

Toca a emagrecer!

Meninas, preparem-se para emagrecer!

Sei que não é grande sugestão agora que se aproxima a época natalicia, mas façam um esforço. Pois, segundo o meu oncologista, homem sábio de 76 anos, as mulheres mais magras têm melhor prognóstico.

É obvio que me aconselhou a perder um kilitos. E de uma forma elegante, segredou-me: "Isabel, não se deixe engordar".

Assim o farei, prometo! Pelo menos 5 kilitos têm que ir à viola.

26 de outubro de 2007

Loveshow, from Skye

video

Have a nice weekend

Bom fim de semana para todas!

Aproveitem muito e namorem ainda mais!

Xi Coração

Pepito!

Hoje fui tia pela 2ª vez. A irmã do meu marido teve um baby!

Vamos vê-los ainda hoje. A Carol vai ficar radiante.

Bem vindo Pedrocas!

Ontem foi assim...

Ontem foi assim...

De manhã acordei com dores terriveis na zona lombar, dorsal, cervical enfim se houvesse mais alguma região "demarcada", a dor estaria lá para me atasanar o juizo. Resolvi ir ao meu Dr. Antonio Ferreira, Queluz de Baixo, de medicina tradicional chinesa para me aliviar as dores. Sob indicações do Dr, a Mariana técnica em tareias, deu-me uma valente sova durante uma hora, sem direito a usar a minha defesa. Fiquei KO.

Fui a caminho da CUF para a 1ª consulta de Radioterapia e mal conseguia sentar-me no carro. O Sacro era o que mais me doía. Osso danado.

Fui atendida por uma médica muito simpática, que depois de me explicar como iriam decorrer as 33 sessões, teve a amabilidade de me perguntar sobre o estado da alma. Estivemos a conversar durante um tempo sobre o facto de alguem com 40 anos ficar sem a mama e como isso nos afecta.

Disse-lhe o que costumo dizer desde sempre. Eu sou mais que uma mama. Nunca tive problemas a olhar-me ao espelho. Sei que continuo a mesma pessoa. Aquilo que me preocupa é o desconhecido. É ter uma filha com 5 anos, olhar para ela e ter medo de não a ver crescer. De não a ver rir! Isso é que me atormenta.

Tremo quando ela pergunta: Mamã, tu não vais morrer pois não? Fico gelada com vontade de abraçá-la e parar o tempo para podermos ficar sempre ali! Isso é que é dói!

Por isso, o que é uma mama quando existem outros motivos que nos fazem pensar?

Apesar de tudo, sei que tenho uma filha com uma personalidade forte, não fosse ela Carneiro. Depois da cirurgia expliquei-lhe o que tinha acontecido, obviamente romanceando um pouco as coisas. " A maminha estava doente e está numa caminha do Hospital a ser tratada pelos Doutores. Quando estiver boa, vamos lá buscá-la. Sim , Mamã quero que a maminha volte para ti. Tenho pedido ao Jesus!" Diz ela. "Adoro-te! És a mãe mais bonita do planeta". Depois disto, o que é que vale uma mama?

Ah..., hoje já acordei sem dores. Afinal a sova valeu a pena.

Voltei novamente à CUF, desta vez para TAC e marcações. Inicio a Radio a 12 Novembro.

23 de outubro de 2007

Etapa superada

Acabei a quimio!!!! Foram 8 chutos ao longo de 5 meses, fora o Herceptin e as injecções de factores crescimento. Não sei como as minhas veias aguentam.

Já passaram 4 dias mas ainda me doiem os musculos e os ossos. Não sei o que é normal ou melhor dizendo vulgar. Só sei que me custa imenso a estar de pé. Nunca fui tão amiga do meu sofá.

Olha p'ra mim!


Inspiração

Que falta de inspiração!Não me ocorre nada.

Ok, vamos lá, talvez seja por falta de experiência visto que é o primeiro dia no meu blog. Ainda sou novata nestas coisas.

Começo por dizer que estou em casa há quase 6 meses e já conheço os mais recônditos cantos da minha casa. De facto, não nasci para estar fechada entre quatro paredes. Preciso de apanhar ar. Sou um animal de companhia e por isso preciso de sentir pessoas à minha volta. Quero voltar a trabalhar e sentir-me util.